As históricas ruínas de São Miguel, no Rio Grande do Sul

Um destino lindo para você visitar em solo brasileiro fica em São Miguel das Missões, no Rio Grande do Sul. As ruínas de São Miguel, tombadas pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade, são o cartão-postal da região e um dos pontos mais bonitos do estado.

São Miguel das Missões 2 (google)

Há também na região outras três missões em ruínas, mas a principal e mais bem preservada é a de São Miguel. Todos os dias o local exibe o espetáculo Som e Luz que narra a história do lugar e depois, quando escurece, as ruínas viram palco para uma apresentação emocionante, com duração de cerca de uma hora.

Mas se você está em dúvida do que fazer por lá durante o dia e como aproveitar melhor esse destino, vamos explicar melhor nesse texto.

Visita às ruínas

A cidade de São Miguel das Missões conta com a mais preservada missão jesuítica do Brasil. As ruínas do povoado que foi fundado no século 17 permanecem para contar a história do que aconteceu na região e isso atrai muitos turistas o ano todo.

Para aproveitar bem o passeio, durante o dia a melhor ideia é explorar as ruínas. Uma das que impressiona é a Catedral de São Miguel Arcanjo e sua fachada de 30 metros de altura, ou o que restou dela.

:: Viagem pelos ares: os passeios de balão mais cobiçados do mundo

A inspiração romana e com colunas coríntias se destaca. No passado, mais precisamente em 1735, essa igreja começou a ser construída e mais de 100 operários guaranis auxiliaram para a construção. Há alguns vestígios ainda da planta original, como o colégio, a casa dos padres e o cemitério.

Também é possível aproveitar a viagem até lá e visitar as outras três missões, que são as de São Lourenço Mártir, São João Batista e São Nicolau. Essas, junto com as de São Borja, São Luís Gonzaga e Santo Ângelo formam os chamados Sete Povos das Missões.

Sítio Arqueologico de São Lourenço Mártir
Sítio Arqueológico de São Lourenço Mártir

Museu das Missões

Mas voltando ao ponto principal, é possível conhecer o Museu das Missões, que fica dentro do sítio arqueológico. O local conta com o maior acervo brasileiro de esculturas de santos feitas pelos índios ou trazidas da Europa. Há até alguns índios que vivem nos arredores do local em casas de taquara, barro e teto de palha.

:: Templo Khadro Ling: uma parte do Tibete no Rio Grande do Sul

Mas, com tudo tão lindo e um local tão cheio de história, chegar até lá não é tão fácil. A cidade fica cerca de 480 quilômetros de Porto Alegre, a capital do estado e de onde é possível chegar de avião.

São Miguel das Missões fica bem perto da fronteira com a Argentina. Mas nada que algumas horas de viagem não sejam suficientes. Caso você queira passar alguns dias na cidade e conhecer bem o ponto turístico, é melhor ir com tempo e já pensando nesse deslocamento de ida e volta até o aeroporto.

São Miguel das Missões (google)

As ruínas ficam bem no Centro e a infraestrutura para receber turistas é ótima. Não deixe de visitar São Miguel das Missões e conhecer um pouco mais desse destino cheio de história que fica no interior do Rio Grande do Sul.

Deixe aqui o seu comentário